Na Suécia, ossos de cão domesticado da idade da pedra são desenterrados.

28 de novembro de 2020

Embora o animal seja de uma raça desconhecida, especialista comentou que lembraria um “husky siberiano”

INGREDI BRUNATO

Recentemente, foi desenterrado o esqueleto de um cão domesticado em uma escavação de um sítio arqueológico com vestígios da Idade da Pedra no Condado de Blekinge, na Suécia. Quem divulgou a descoberta foi o site Insider.

“Como esses enterros de cães são raros e os ossos são muito frágeis, passei três dias expondo cuidadosamente o esqueleto“, disse o zooarqueólogo Ola Magnell em entrevista ao portal.

A raça do animal é desconhecida, todavia o especialista comentou que sua estrutura podia se comparar a um husky siberiano, porém “com mandíbulas poderosas como um lobo”.

Fotografia de Ola Magnell com o cão descoberto / Crédito: Divulgação 

 

“Alguns ossos foram encontrados em uma cova e pude ver que eram de um animal. Primeiro, pude identificar um osso do carpo da pata dianteira e depois a mandíbula foi exposta para que eu pudesse confirmar que era definitivamente um cachorro completo”, explicou Magnell sobre o processo de desenterrar o cachorro.

Também vale mencionar que o cão foi encontrado em uma área que passou anos submersa, assim mantendo os vestígios contidos nela preservados. Atualmente, o esqueleto do cão está no Museu Blekinge.

Sobre a Idade da Pedra

A Idade da Pedra é o período da Pré-História em que a espécie humana passou a criar ferramentas de pedra. Ele é dividido entre Paleolítico, Mesolítico e Neolítico, com o último período sendo marcado por pedras lascadas e polidas – que demarcava o que havia de mais tecnológico no período.

Também foi nessa última parte da Idade da Pedra que as populações humanas abandonaram o nomadismo e passaram a se fixar em aldeias, desenvolvendo não apenas a agricultura e a pecuária, mas também cerâmica e tecelagem.

Fonte: https://aventurasnahistoria.uol.com.br/noticias/historia-hoje/na-suecia-ossos-de-cao-domesticado-da-idade-da-pedra-sao-desenterrados.phtml

Comentar esta notícia

Você precisa estar logado para comentar as notícias.
Desenvolvido por logo-crowd