Síncope após estresse

Minha cachorra, Lhasa Apso, com quase 15 anos de idade. Não apresenta antecedentes mórbidos. Tem dislipidemia controlada com bezafibrato. Há cerca de 1 ano apresenta aparente desmaio somente quando colocada em estresse, especialmente quando da tosa. Ela chega a vocalizar antes de apresentar o quadro. Fica com mucosas hipocoradas. Investigamos a parte cardiológica e não foram observadas alterações que justifiquem os quadros. Não a colocamos mais em situações que possam estressá-la e não teve mais quadros. A possibilidade diagnóstica foi síndrome vaso-vagal. Mas fico preocupada. Devo investigar outras possibilidades diagnósticas ?

Responda a pergunta de Rita Carmona

Não logado
Visitante
Inserir mais anexos

Há 5 respostas para esta pergunta

equipe
Claudia
Equipe Vetsapiens
Resposta:
Oi Rita, diferenciar síncope de uma crise epiléptica pode às vezes ser mesmo difícil. A síncope tende a ser mais curta, e sem sinais pós ictus, e atividade física e estresse emocional são gatilhos mais comumente identificados. O que mais já foi investigado? Fez exame neurológico?
Anexos: 0
28 de abril de 2020 às 12:21
Nenhum anexo enviado.
equipe
Rita Carmona
Equipe Vetsapiens
Oi Claudia, o exame neurológico não foi feito. Pelo o que você descreve, parece ser síncope mesmo. Mas ainda estou insegura a despeito de ela não ter tido mais esses episódios. Vou marcar uma consulta com um neuro. Obrigada pelo esclarecimento.
30 de abril de 2020 às 09:55
equipe
Paola Lazaretti
Equipe Vetsapiens
Resposta:
Rita, se a parte cardiológica estiver ok, uma sugestão seria experimentar gabapentina, que além de calmante tem ação anticonvulsivante.
Anexos: 0
28 de abril de 2020 às 13:51
Nenhum anexo enviado.
equipe
Rita Carmona
Equipe Vetsapiens
Paola, obrigada pela indicação. Vou tentar fazer. Depois eu conto. Obrigada
30 de abril de 2020 às 09:56
equipe
Paola Lazaretti
Equipe Vetsapiens
Depois conte aqui!
30 de abril de 2020 às 11:40
Desenvolvido por logo-crowd