Reino Unido registra sua primeira infecção humana de gripe aviária

7 de janeiro de 2022

Em meio a uma onda de gripe aviária na Ásia e na Europa, a Inglaterra registrou o primeiro caso de infecção humana da cepa H5N1. A infecção ocorreu no sudoeste do país, onde há um grande surto da doença em animais.

Segundo a Agência de Segurança de Saúde do Reino Unido, o “paciente zero” contraiu o vírus devido ao contato próximo e regular com um grande número de aves infectadas. É o primeiro caso humano de H5N1 no Reino Unido.

Segundo a Agência de Segurança de Saúde do Reino Unido, o “paciente zero” contraiu o vírus devido ao contato próximo e regular com um grande número de aves infectadas. É o primeiro caso humano de H5N1 no Reino Unido.

 

Conforme a Organização Mundial para a Saúde Animal (OIE), 15 países reportaram surtos de gripe em aves nos últimos três meses de 2021. A Itália foi o país mais atingido, com 285 surtos e quase 4 milhões de aves abatidas.

O problema é que a H5N1 é uma das poucas cepas de gripe aviária que infectam humanos e é absolutamente letal: matou metade das 850 pessoas que já contraíram a doença, que existe desde os anos 90.

FONTE: Reino Unido registra sua primeira infecção humana de gripe aviária (istoedinheiro.com.br)

Comentar esta notícia

Você precisa estar logado para comentar as notícias.
Desenvolvido por logo-crowd