Clínica veterinária emite nota sobre assassinato de empresário

14 de setembro de 2020
noticia- assasinato de empresário

Eduardo Viégas, empresário foi morto após discussão com veterinário da clínica

A administração da Prontoclínica Veterinária emitiu nota a respeito do assassinato do empresário Eduardo Viégas, na noite desta quarta-feira (9) no Monte Castelo. Viégas foi morto após discussão com veterinário Daniel Leite Cardoso.

Na nota, a empresa esclarece que Daniel, suspeito de alvejar o empresário com nove tiros, é um prestador de serviços da clínica.

Leia na íntegra o pronunciamento da clínica:

“A Prontoclínica Veterinária vem a público esclarecer os fatos ocorridos em suas dependências, na data de 09/09/2020, que vitimou o Sr. Eduardo Viegas. O fato ocorreu por volta de 19:40 e teve como autor o médico veterinário Daniel Leite, prestador de serviços da empresa. As polícias civil e militar foram acionadas e compareceram ao local.

Os proprietários não estavam na clínica no momento do crime, mas se deslocaram para prestação de todas as informações, tendo sido disponibilizadas as imagens do circuito de câmeras, que estão em poder da Polícia Civil, bem como os funcionários presentes do momento da ocorrência comparecido à delegacia para prestação de esclarecimentos.

Neste momento, a Empresa, em nome de seus proprietários e funcionários, presta condolências e solidariedade à família da vitima disponibilizando-se, desde ja, a prestar todo o atendimento necessário nesse momento de luto.”

Entenda o caso

O empresário Eduardo Viégas foi atingido por nove tiros depois de discutir com o veterinário Daniel Leite Cardoso. Segundo informações da polícia, Viégas desaprovou o orçamento para o tratamento de seu gato de estimação. Os dois discutiram e, contornada a situação, Viégas teve uma solicitação de nota fiscal recusada por Daniel.

Comentar esta notícia

Você precisa estar logado para comentar as notícias.
Desenvolvido por logo-crowd
Bitnami