Clínica Veterinária da Universidade São Judas voltará com atendimentos

19 de janeiro de 2021

Após recesso de fim de ano a clínica volta a abrir as portas com serviços para os pets, que devem ser agendados com antecedência

O ano de 2020 foi de muito trabalho para os estudantes e professores do curso de Medicina Veterinária da São Judas. O serviço de saúde aos pets não deixou de ser um serviço essencial e os profissionais trabalharam arduamente para manter a saúde dos animais e em 2021 não será diferente. Após uma pausa nas atividades, a Clínica Veterinária da universidade voltou a funcionar desde o dia 11/01, com atendimentos gratuitos e presenciais a partir da marcação antecipada. Os serviços serão prestados de segunda a sexta, das 8h às 11h e das 13h às 16h.

Os atendimentos são presenciais e é necessário que o tutor do pet marque um horário pelo telefone (11) 2799-1939. Assim a clínica consegue controlar, garantir e cumprir as normas estabelecidas pelo Governo do Estado e pela Prefeitura de São Paulo no Plano Contra a Covid-19 com o intuito de evitar aglomerações e consequente proliferação do vírus.

“É muito bom retornar com o atendimento presencial e com novas metas e planos a serem atingidos, nós conseguimos nos adaptar aos desafios do ano passado e estamos preparados para voltar a prestar o serviço de qualidade que o Hospital sempre prestou” diz a professora do curso de Veterinária, Simone Ambrósio.

Além de profissionais formados, a clínica conta com a ajuda de alunos do último semestre do curso de veterinária, que são acompanhados em todos os atendimentos por professores ou profissionais, para que possam concluir aprendendo a realidade de um profissional da área e adquirindo as experiencias necessárias.

O que: Retorno de Atendimento Veterinário

Quando: de segunda a sexta, das 8h às 11h e das 13h às 16h

Onde: Clínica Veterinária da Universidade São Judas

Quanto: Preço a ser verificado de acordo com o serviço

Fonte: Clínica Veterinária da Universidade São Judas voltará com atendimentos (abcdoabc.com.br)

Comentar esta notícia

Você precisa estar logado para comentar as notícias.
Desenvolvido por logo-crowd