Teste lacrimal de Schirmer, uma ferramenta diagnóstica útil para o clínico

30 de junho de 2020

Título:

Schirmer tear test, a useful diagnosis tool for the clinician

Autores:

Fernanda Gosuen Gonçalves Dias, Adriana Torrecilhas Jorge, Cristiane Alves Cintra, Vanessa Mattos Pires, Lucas de Freitas Pereira, Denner Ssantos dos Anjos, Débora de Oliveira Garcia, Cristiane dos Santos Honsho

Resumo:

Avaliou-se neste estudo o teste lacrimal de Schirmer – tipo 1 (TLS) em 100 cães atendidos aleatoriamente a fim de identificar suas variações e possíveis relações com a resenha clínica, afecção, raça, idade e gênero. O TLS-1 foi realizado em ambos os olhos, em cães com mais de dois anos de idade, fêmeas ou machos. Destes, excluíram-se aqueles cuja queixa incluísse sinais oculares ou os portadores de doença ocular previamente identificada. Após análise, computaram-se 92 cães (194 olhos), 34 machos e 58 fêmeas com 7,79 ± 3,7 e 7,76 ± 3,7 anos de idade, respectivamente. Das raças mais atendidas, 40,2% eram Sem Raça Definida, 13,0% Poodle, 6,5% Shiht-zu e Basset Hound e 5,4% Pitbull. TLS-1 <10 mm/min bilateralmente foi observado em 4,3% dos cães com idade média de 7,4 ± 3,9 anos, destes 75% fêmeas e 25% machos. TLS-1 ≥ 10 e ≤ 14 mm/min bilateralmente foi observado em 3,2% dos cães, e destes 66,7% machos e 33,3% fêmeas, 66,7,3% Sem Raça Definida e 33,38% Teckel, a idade média foi de 7,6 ± 3,8 anos. Das enfermidades sistêmicas observadas com TLS-1 <10 mm/min destacaram-se alterações envolvendo o aparelho reprodutor (42,8%). Salientase a importância do TLS-1 na rotina de atendimento clínico e cirúrgico veterinário, mesmo quando a queixa principal não envolva o sistema ocular, principalmente, em pacientes com mais de sete anos de idade.

Palavras-chave:

Cão, filme lacrimal, oftalmologia veterinária, ceratoconjuntivite

Abstract:

It was evaluated the Schirmer Tear Test 1 (STT-1) in 100 dogs randomly attended in order to identify its variations and possible relations with the clinical review, disease, breed, age and sex. The STT-1 was accomplished in both eyes in dogs over two years old, females or males. Of these, those whose complaint included ocular clinical signs or those with previously identified ocular disease were excluded from this study. After analysis it were computed 92 dogs (194 eyes), 34 males and 58 females with 7,79 ± 3,7 e 7,76 ± 3,7 years old, respectively. About the breeds, 40,2% were mixed breed, 13,0% Poodle, 6,5% Shih-tzu and Basset Hound and 5,4% Pitbull. STT-1 <10mm/min was observed bilaterally in 4,3% of the dogs with mean age 7,4 ± 3,9 years old. Of these, 75% females and 25% males. STT-1 ≥ 10 e ≤ 14 mm/min was observed in 3,2% of the dogs, of these, 66,7% males and 33,3% females, 66,7% mixed breed and 33,3% Teckel. The mean age was 7,6 ± 3,8 years old. About the systemic diseases observed in the animals with STT-1 <10mm/min it were found
reproductive apparatus changes(42,8%). It is emphasized the STT-1 in the clinical-surgical veterinary attendance even when the main complaint does not relate the ocular system, mainly in patients over seven years old.

Keywords:

Dogs, tear film, veterinary ophthalmology, keratoconjunctivitis sicca

Comentar este artigo

Você precisa estar logado para comentar os artigos.
Desenvolvido por logo-crowd