Caracterização da população canina e felina domiciliada do município de Cachoeiras de Macacu, Rio de Janeiro

29 de abril de 2020

Characterization of the canine and feline domiciled population
of Cachoeiras de Macacu, Rio de Janeiro

Adrielle Spinelli Cruz, Elizabeth Cruz Cardoso; Flavio Fernando Batista Moutinho

Conhecer o tamanho e o perfil das populações canina e felina é fundamental para a implementação de
programas sanitários e de controle da população animal. O presente trabalho teve como objetivo realizar a
caracterização da população canina e felina domiciliada do município de Cachoeiras de Macacu, Estado do
Rio de Janeiro, Brasil. Trata-se de um estudo transversal descritivo em que foi avaliada uma amostra não
probabilística e de conveniência composta por 2.671 domicílios residenciais com levantamento do quantitativo
de cães e gatos, machos e fêmeas em cada um dos imóveis. Os dados obtidos foram analisados com técnicas
de estatística descritiva (frequência absoluta e relativa de cães e gatos e de machos e fêmeas, razão de cães e
gatos por domicílio e razão de cães em relação a gatos). Na amostra estudada foram encontrados 5.082 cães e
1.636 gatos, com razão de 1,9 cães e 0,6 gatos por domicílio, respectivamente. Houve predomínio de imóveis
onde havia somente cães (74,9¨%), com 3,1 cães para cada gato. Foi detectada, ainda, predominância de
machos, tanto em caninos (60,1%) quanto em felinos (54%). Com base nos resultados se pode concluir que as
razões animal/domicilio observadas foram bem mais elevadas do que o esperado, que havia preferência dos
tutores por cães em relação a gatos e por machos em relação às fêmeas, tanto em caninos quanto em felinos.
Tal resultado pode justificar uma priorização à esterilização de machos em programas de manejo e controle de
populações de animais domésticos. Acredita-se que estes resultados possam subsidiar esses programas, bem
como àqueles de cunho sanitário, no município de Cachoeiras de Macacu, RJ.
Palavras-chave: cão; gato; perfil populacional.

Knowledge of the size and profile of the canine and feline population is fundamental for the implementation
of sanitary and control programs for the animal population. The present work aimed to characterize the canine
and feline population living in the city of Cachoeiras de Macacu, Rio de Janeiro, Brazil. This is a transversal
descriptive study in which a non-probabilistic and convenience sample composed of 2,671 residential
households was surveyed for the number of dogs and cats, males and females in each one of the properties.
The data obtained were analyzed using descriptive statistic techniques. In the sample studied were found 5,082
dogs and 1,636 cats, with a ratio of 1.9 and 0.6 per household, respectively. There was a predominance of
properties in which there were only dogs, with a 3.10 dogs for each cat, showing owners prefer dogs as
domestic animals. A preference was also detected for male compared to female dogs (60.1%) and cats (54%).
Based on the results, it can be concluded that the observed animal/household ratios were much higher than
expected, that there was a preference by the owners for dogs instead of cats and males instead of females, both
in canines and felines. This result may justify a prioritization of male sterilization in programs of management

and control of population of domestic animals. It subsidizes these programs, as well as those of a sanitary
nature in the city of Cachoeiras de Macacu, RJ.
Keywords: dog; cat; population profile.

Comentar este artigo

Você precisa estar logado para comentar os artigos.
Desenvolvido por logo-crowd