Análise crítica da casuística de exames radiográficos de cães e gatos realizados em um Hospital Veterinário universitário durante o período de um ano: aspectos da proteção radiológica

28 de setembro de 2020

Critical analysis of cases from dogs and cats radiographic exams performed in a teaching hospital in the period January-December 2013: aspects of radiologic protection

Ferrante B, Souto CK, Modena DFA, Lepiani RD, Lorigados CAB, Pinto

Resumo

Considerando a crescente incorporação da radiologia nos diversos segmentos da medicina veterinária, devem ser avaliados os possíveis efeitos biológicos provocados pela exposição aos raios X. O princípio ALARA (As Low as Reasonably Achivable) determina que a exposição deva ser tão baixa quanto sensatamente possível, e se fundamenta em três princípios - justificar, otimizar e reduzir. O presente trabalho teve como objetivo quantificar e classificar os exames radiográficos de cães e gatos realizados em um Hospital Veterinário Universitário, de acordo com a região radiografada e a resposta diagnóstica obtida, além de construir uma análise crítica de proteção radiológica a fim de ser relacionada com a justificativa da realização do exame. Para tanto, realizou-se um estudo retrospectivo durante um período de um ano. Os exames radiográficos foram divididos em 5 grupos, de acordo com a região solicitada. Cada região estudada foi explorada individualmente quanto a suspeita clínica, que motivou a solicitação do exame, e a impressão diagnóstica encontrada. A grande maioria dos pacientes foi da espécie canina, e a região mais solicitada para estudo foi o tórax. Os exames radiográficos da região da coluna vertebral e da região do coxal representaram as subsequentes regiões de maior número de solicitações radiográficas. Os resultados obtidos no presente estudo sugerem que uma parcela significativa dos animais e, consequentemente das pessoas envolvidas na contenção física dos pacientes, sejam expostos à radiação sem efetivamente se alcançar um diagnóstico definitivo. Ressalta-se aqui a importância de uma avaliação clínica criteriosa antes da solicitação do exame radiográfico, a fim de justifica-los adequadamente, para que possa ser de fato auxiliar para o estabelecimento do diagnóstico.

Palavras chaves

Radiologia, princípio ALARA, justificativa

Abstract

Considering the growing incorporation of radiology in several segments of veterinary medicine, should be evaluated the possible biological effects caused by exposure to X-rays. The ALARA principle determines that exposure should be as low as reasonably possible, and is based in three principles - justification, optimization and limitation. This study aimed to quantify and classify radiographic examinations performed in dogs and cats in a teaching veterinary hospital, according to imaged region and the obtained diagnosis, and also build a critical analysis of radiological protection in order to be related to the justification of the exam. Therefore, it was carried out a retrospective study during the period of one year. Radiographic examinations were divided into 5 groups according to the requested region. Each study area was individually evaluated concerning the clinical suspect that motivated the study request and the diagnostic impression found. The vast majority of patients was the canine species, and the more requested region studied was the chest.The radiographs of the spine and coxal region accounted the regions with the highest number of radiographic requests. The data obtained inthis study suggest that a significant number of animals, and consequently those who areinvolved in technical and containment were exposed to radiation without actually reachinga definitive diagnosis. It is emphasized here the importance of a careful clinical evaluation before the request of radiographic examinations in order to justify them properly, so it can be actually helpful to establish the diagnosis.

Keywords

Radiology, ALARA principle, justification

Comentar este artigo

Você precisa estar logado para comentar os artigos.
Desenvolvido por logo-crowd